Aprofundar a luta para combater o retrocesso e resistir aos roubos PDF Imprimir e-mail
14-Dez-2012

DIRECÇÃO NACIONAL EXIGE DEMISSÃO DO GOVERNO

Em resolução aprovada na sua reunião do passado dia 13, a Direcção Nacional do STAL fez um balanço dos ataques do Governo aos direitos dos trabalhadores e ao desmantelamento de serviços sociais imprescindíveis aos cidadãos, concluindo que a prossecução deste caminho de «completa subserviência ao capital» tem como único caminho a demissão do actual executivo liderado por Passos Coelho e Paulo Portas, «demissão que há-de ser imposta pela continuação da luta.
De entre as decisões da Direcção Nacional, destacam-se:

  • Entregar ao Governo um aviso prévio de Greve ao trabalho extraordinário, com início a 1 de Janeiro e por tempo indeterminado, até à reposição dos valores que justamente compensem este tipo de trabalho;
  • Intentar contra o Estado português uma acção condenatória pelo confisco dos subsídios de férias e de natal;
  • Aprovar uma resolução condenando a privatização da EGF - «Defender o Sector Público dos Resíduos, não à Privatização» - e convocar uma reunião de quadros sindicais deste sector, para 21 de Dezembro;
  • Aprovar o documento sobre “verticalização e privatização das Águas de Portugal” e convocar uma reunião de quadros sindicais deste sector, para o dia 14 de Dezembro.

Ver resolução

 
< Artigo anterior   Artigo seguinte >

SEDE NACIONAL
Lisboa

Rua D. Luís I, 20 F
Tel: 210958400 | Fax: 210958469
Este endereço de e-mail está protegido contra spam bots, pelo que o JavaScript terá de estar activado para que possa visualizar o endereço de e-mail
©2012 STAL, todos os direitos reservados.