Trabalhadores do Município de Lisboa em greve – 5, 6 e 7 de Abril PDF Imprimir e-mail
30-Mar-2010

CÂMARA MUNICIPAL DE LISBOA

Nos dias 5, 6 e 7 de Abril, os trabalhadores de diferentes sectores da Câmara Municipal de Lisboa, incluindo os serviços de Higiene e Limpeza Urbana, estão em luta pela actualização do suplemento de risco, cujo valor não é alterado desde 2003, inclusive.

Esta greve, convocada pelo STML e pelo STAL, visa a actualização do valor do suplemento de insalubridade, penosidade e risco, que justamente foi atribuído em 1987 aos trabalhadores que, no exercício diário das suas funções, ficam expostos aos mais variados riscos e condições de trabalho que colocam em causa a sua saúde e a sua integridade física, mas que há oito anos não é actualizado pela Câmara Municipal de Lisboa.

Este processo de luta arrasta-se há já 8 anos, pelo que, esgotadas todas as tentativas de diálogo com o executivo camarário, com esta Greve os trabalhadores apenas exigem que sejam respeitados os seus direitos, que seja cumprida a deliberação aprovada em 1987 pelo então executivo camarário e ratificada pela própria Assembleia Municipal, onde consta a determinação da sua atribuição, assim como a sua actualização anual pelo mesmo valor de actualização dos salários dos Trabalhadores da Administração Pública.

O executivo liderado por António Costa insiste em prosseguir uma decisão arbitrária e unilateral e recusa encontrar uma solução que faça justiça e respeite os direitos destes trabalhadores.

Para além da actualização do valor deste suplemento, constitui igualmente objectivo da Greve a resposta por parte do executivo camarário às várias reivindicações dos trabalhadores do sector, que pese embora tenham em regra sido aceites pelo executivo continuam a aguardar resolução concreta.

icon 29-03-2010 - COM - Greve C. M. Lisboa - 5 a 7 Abril (326.28 kB) 

 
< Artigo anterior   Artigo seguinte >

SEDE NACIONAL
Lisboa

Rua D. Luís I, 20 F
Tel: 210958400 | Fax: 210958469
Este endereço de e-mail está protegido contra spam bots, pelo que o JavaScript terá de estar activado para que possa visualizar o endereço de e-mail
©2012 STAL, todos os direitos reservados.