Negociação continua bloqueada e salários atrasam de novo PDF Imprimir e-mail
23-Jan-2008

O ESTRANHO MUNDO DA MOVEAVEIRO

Apesar das informações enganosas que vai transmitindo à imprensa, a Moveaveiro continua a bloquear as negociações para o Acordo de Empresa e ainda não enviou qualquer contraproposta ao STAL. A acrescentar à atitude de total desrespeito pelos direitos dos trabalhadores, novamente os salários estão em atraso e os trabalhadores vão amanhã protestar na Câmara Municipal.

O STAL considera inadmissível que a Administração da Moveaveiro desrespeite de forma indigna e irresponsável os mais elementares direitos dos trabalhadores, com a complacência do presidente da Câmara Municipal de Aveiro, Élio Maia.

A falta de pudor instalou-se por completo no seio do Conselho de Administração da Moveaveiro, empresa de capital totalmente municipal, que deveria dar o exemplo de responsabilidade e respeito pelos direitos dos trabalhadores e das populações mas comporta-se como o mais retrógrado dos patrões.

O que leva a Moveaveiro a enganar os trabalhadores, os utentes dos transportes e mesmo a imprensa? Em duas semanas de greve, que poderia ter evitado com um simples e elementar gesto de vontade negocial, permitiu o prolongar do conflito, recorreu à ameaça, à chantagem e à violação da lei, entrincheirou-se na arrogância e na mentira.

Que interesses terá o Presidente do Conselho de Administração da Moveaveiro para bloquear assim um direito tão elementar como o da negociação e não honrar os compromissos que ele próprio assumiu? Sabe-se que Pedro Ferreira se deslocou recentemente a França, com o intuito de «negociar» a possível privatização da Moveaveiro. Será esse o segredo? Estaremos perante um comportamento que traduz meras instruções dos possíveis «compradores»?

E porque permite Élio Maia este comportamento, desresponsabilizando-se por completo das funções para que foi eleito?

Entretanto, confrontados com um novo atraso no pagamento dos seus salários, os trabalhadores, que têm estado junto ao Centro de Congressos em vigília de protesto desde a passada segunda feira, 21, vão concentrar-se no mesmo local amanhã à tarde, a partir das 14.30 horas, e exigem ser recebidos pelo Presidente da Câmara Municipal.

Aveiro, 23 de Janeiro de 2008
A Direcção Regional de Aveiro

Contacto: Jaime Ferreira – Coordenador da Direcção Regional de Aveiro: 912592

 
< Artigo anterior   Artigo seguinte >

SEDE NACIONAL
Lisboa

Rua D. Luís I, 20 F
Tel: 210958400 | Fax: 210958469
Este endereço de e-mail está protegido contra spam bots, pelo que o JavaScript terá de estar activado para que possa visualizar o endereço de e-mail
©2012 STAL, todos os direitos reservados.