STAL e STML entregam Carta Aberta a António Costa PDF Imprimir e-mail
28-Jun-2012

CÂMARA MUNICIPAL DE LISBOA

O Sindicato Nacional dos Trabalhadores da Administração local (STAL) e o Sindicato dos Trabalhadores do Município de Lisboa (STML) entregaram hoje, 27 de Junho, uma Carta Aberta ao Presidente da Câmara Municipal de Lisboa, através da qual condenam a falta de vontade política na resolução dos problemas dos trabalhadores do sector da limpeza urbana daquela autarquia que estiveram na origem das greves parciais recentemente levadas a cabo (11 a 18 de Junho).

Na missiva os dois sindicatos lembram o edil que apesar de terem já sido obtidas respostas positivas para algumas das reivindicações colocadas pelos trabalhadores, continuam a ser proteladas as decisões em relação ao pagamento de 25% sobre o trabalho extraordinário nocturno, ao suplemento do subsídio de alimentação e às ajudas de custo, pesem embora as propostas com suporte legal que têm sido apresentadas e os compromissos assumidos por António Costa.

STAL e STML lamentam que apesar da atitude dialogante manifestada se assista «por parte dos responsáveis da autarquia um protelamento das soluções que se exigem», interrogam António Costa sobre as razões de que levam ao prolongamento «evitável e desaconselhável» do conflito e exigem do edil uma «firme intervenção».

icon 27-06-2012 - Carta Aberta entregue a António Costa (215.23 kB) 

 
< Artigo anterior   Artigo seguinte >

SEDE NACIONAL
Lisboa

Rua D. Luís I, 20 F
Tel: 210958400 | Fax: 210958469
Este endereço de e-mail está protegido contra spam bots, pelo que o JavaScript terá de estar activado para que possa visualizar o endereço de e-mail
©2012 STAL, todos os direitos reservados.