STAL exige manutenção do vínculo público e 35 horas de trabalho PDF Imprimir e-mail
03-Jul-2012

ÁGUAS DO SADO PRESSIONA TRABALHADORES

O STAL acusa a empresa Águas do Sado de estar a pressionar os trabalhadores requisitados à Câmara Municipal de Setúbal para que assinem acordos de cedência de interesse público prevendo a suspensão do seu estatuto de origem e a alteração dos horários de trabalho para 40 horas semanais.

Ver notícia

 
< Artigo anterior   Artigo seguinte >

SEDE NACIONAL
Lisboa

Rua D. Luís I, 20 F
Tel: 210958400 | Fax: 210958469
Este endereço de e-mail está protegido contra spam bots, pelo que o JavaScript terá de estar activado para que possa visualizar o endereço de e-mail
©2012 STAL, todos os direitos reservados.