Suspensão ilegal de 12 bombeiros no Porto
14-Mar-2012

RUI RIO VISA INTIMIDAR ADESÃO À GREVE GERAL

A decisão tomada ontem, 13, pela maioria que dirige a Câmara Municipal do Porto de suspender 12 bombeiros, com perda de vencimento, por 20 dias, é ilegal e constitui uma forma de intimidar todo o Batalhão de Sapadores para que não adira à Greve Geral do próximo dia 22.
icon 13-03-2012 - Nota Imprensa - Suspensão de 12 elementos do BSB Porto (64.28 kB)